Cidades

Publicado em 12 de setembro de 2017 | por Nosso Jornal BM

Parque Tobogã ganha biblioteca comunitária

A Área de Lazer Julieta Botelho, mais conhecida como Parque Tobogã, uma das mais antigas da cidade, vai ganhar uma biblioteca comunitária. A inauguração do espaço, que é fruto de uma ação conjunta entre a Prefeitura de Resende e a iniciativa privada, por meio do projeto PVE (Parceria Votorantim pela Educação), acontecerá nesta terça-feira, dia 12, às 13h30, no interior do Parque Tobogã.

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação, a biblioteca comunitária foi instalada na varanda do prédio onde funcionam a administração do parque e a guarda municipal. A ideia é que o espaço seja gerenciado e cuidado pela própria comunidade, que também poderá doar títulos literários para a biblioteca, desde que os mesmos não tenham cunho religioso ou político.

– A implantação desta biblioteca foi proposta pela própria comunidade e pelos frequentadores do Parque que apontaram a necessidade de se criar ali um espaço lúdico. Desta forma, vamos potencializar as possibilidades daquela área de lazer, transformando-a num espaço de aprendizagem também. A inauguração desta pequena biblioteca é o pontapé inicial de um projeto mais amplo – explicou a técnica mobilizadora da Secretaria de Educação, professora Mara Cristina de Oliveira Gama.

Segundo ela, durante a inauguração da biblioteca na tarde desta terça-feira, serão realizadas diversas apresentações artísticas como uma exibição da fanfarra da Escola Municipal Júlio Verne, da Vicentina; a encenação de uma peça teatral pelos alunos da Escola Municipal Adelaide Lopes Salgado, da Capelinha; e uma apresentação especial do coral do programa Gente Eficiente, que funciona no próprio Parque Tobogã. Além disso, estudantes da UERJ também demonstrarão o trabalho desenvolvido na área de robótica, na Escola Municipal Hetelvina Carneiro, na Vargem Grande.

Parceria atuante – Desenvolvido por meio do Instituto Votorantim, o projeto Votorantim pela Educação atua em duas frentes: na Formação Profissional, que beneficia atualmente 32 educadoras de 16 escolas municipais, e na Mobilização Social, que desenvolve ações voltadas para o fortalecimento do valor social da educação e para a participação da comunidade. Neste contexto, o Parque Tobogã foi escolhido para receber ações sociais que tenham a educação como foco. A biblioteca comunitária é uma delas.

Foto: Divulgação

Tags: , , , , ,


Sobre o autor



Back to Top ↑
  • Publicidade

    nossojornal

  • Edição Digital

    Jornal Edição Novembro 2017

  • Facebook

  • Publicidade

    nossojornal